segunda-feira, 24 de outubro de 2016



Palestra

O Doutor Bruno Morgado, astrónomo e  investigador no Observatório Astronómico  Prof. Manuel de Barros, aceitou o convite para realizar uma palestra sobre o Sistema Solar na biblioteca da nossa escola. 

O Sistema Solar, de acordo com o nosso convidado,  teve origem a partir de uma nuvem molecular que, por alguma perturbação gravitacional, entrou em colapso e formou a estrela central, enquanto seus remanescentes geraram os demais corpos. A sua estrutura tem sido objeto de estudos desde a antiguidade,  mas somente há cinco séculos a humanidade reconheceu o facto de que o Sol, e não a Terra, constitui o centro do movimento planetário.....

Os alunos do 9º A e C tiveram oportunidade de aprofundar os seus conhecimentos, expor as suas dúvidas, bem como de colocar as suas questões sobre esta temática, demonstrando desse modo nao só empenho e entusiasmo nesta atividade, como também os conhecimentos que possuiam sobre a temática . 

O espaço acolhedor e informal da biblioteca fomentou as interações, demonstrando deste modo as suas potencialidades na dinamização da  atividade. 













Bibliopaper na Biblioteca

No âmbito da comemoração do dia das Bibliotecas Escolares, foi dinamizado um bibliopaper na nossa biblioteca .
Os alunos aprofundaram  os seus conhecimentos enquanto utilizadores de uma forma lúdica e desafiante, tendo participado ativamente. 
Ao longo da semana , a atividade será realizada com outras turmas, nomeadamente com as de 5º ano, sendo posteriormente atribuído um prémio à  equipa vencedora. 




 

Para celebrar o  Dia da Biblioteca Escolar , nesta  quarta segunda feira do mês de outubro, recordamos aos Encarregados de Educação  que: 


Estimular a criança para a leitura é desenvolver-lhe um hábito  fundamental no seu percurso escolar que lhes promoverá  sucesso na vida.

Desde muito cedo,  o contacto com o livro e a sua manipulação são de extrema importância para a sua formação e desenvolvimento. Quando o livro desperta a curiosidade e a  atenção da criança, ela procura-o para o folhear,vê as suas imagens e conta as histórias de acordo com a sua imaginação.
Com o livro, a criança aprende a descrever e nomear, enriquece o seu vocabulário e a construção frásica, bem como a sua imaginação. Fala das suas experiências, das suas emoções e sentimentos.

Segundo Maria Vidigal, o ato de ler para o seu filho reforça os vínculos com os pais,  e as pesquisas mostram que as crianças que ouvem os pais ler histórias têm um vocabulário mais rico, criam relações de maior empatia com os seus pares, e podem ter uma maior motivação escolar.

Assim, enumeramos alguns conselhos para “Como ler com os seus filhos”:

1. Leitura

  • Mostre a capa, fale das ilustrações e do autor do livro;
  • Enquanto lê mostre com o dedo a frase;
  • Deixe a criança virar a página se ela quiser;
  • Vá conversando com a criança acerca do que lê e sobre as imagens;
  • Se a criança pedir, volte a ler a história uma ou mais vezes;
  • Torne a história viva, faça uma voz diferente para cada personagem e use gestos e expressões à medida que vai contando a história.


2. Duração

  • Se o livro for grande não o leia todo no mesmo dia;
  • Não a obrigue a continuar se ela der sinais de cansaço ou desinteresse.


3. Local

  • Sentem-se juntos, para que a criança possa observar as imagens e ver as palavras que for lendo;
  • Procure um sítio confortável e sossegado, para evitar distrações.


4. Momento

  • Em momentos de pausa ou de convívio;
  • À noite antes de adormecerem.


5. Escolha do livro
  • Deixe a criança escolher o livro;
  • Se o livro for grande, não o leia todo no mesmo dia;
  • Se o livro que escolheu não for interessante, proponha a escolha de outro.


6. Final

  • Quando acabar a leitura, converse sobre a história, sobre as personagens de que mais gostou, sobre o que considerou mais interessante;
  • Ajude-a a fazer a avaliação da história no quadro de registo;
  • Incentive-a a fazer um desenho sobre a história;
  • Deixe-a fazer as suas próprias anotações (palavras novas aprendidas, registos escritos, …).(In PNL).