terça-feira, 27 de outubro de 2015


MÊS INTERNACIONAL DA BIBLIOTECA ESCOLAR 2015


O Mês Internacional das Bibliotecas Escolares,  assinalado  em outubro, pretende chamar a atenção para a importância das  bibliotecas na vida da comunidade escolar, ao promover atividades que contribuem para o desenvolvimento das várias literacias, para o  acesso à cultura e ao desenvolvimento da cidadania.






Na BECRE da EB Irene Lisboa , ao longo do mês, os alunos da escola foram motivados para pensar a cidade do Porto sob o olhar de autores tais como Camilo Castelo Branco, Raul Brandão, Ramalho Ortigão,José Régio,Eugénio de Andrade,  Sophia de Mello Breyner, mas com particular destaque para a escritora Luísa Dacosta. De facto, a ênfase nesta autora justifica-se na sequência da   homenagem que este ano tanto a  Câmara Municipal do Porto como a Biblioteca Almeida Garrett, no âmbito do Programa de Animação Comum, (PAC) lhe prestam.  

Os alunos que frequentam a escola pela primeira vez tiveram acesso a sessões de formação de  utilizadores e testaram os seus conhecimentos com peddy papers na biblioteca. Foi grande a azáfama, o stress, mas proveitosos , a avaliar pelos resultados, os ensinamentos. 

Nas disciplinas de português e educação visual, os professores Fernando Castro e Cristina Silva respetivamente,  orientaram os seus alunos na elaboração de avisos personalizados, temática e visualmente subordinados ao tema   "Não perturbar, estou a ler". De destacar a criatividade artística e o empenho que tanto os  docentes como os alunos imprimiram a esta atividade. 

No dia 26 de outubro, foi feita a apresentação pública do trabalho desenvolvido ao longo do mês,  também com o duplo objetivo de colocar os alunos perante uma nova situação que os  ajudará a participar no concurso "Dá voz a letra", promovido pela Fundação Caloustre Gulbenkian. 


O professor David Oliveira também entregou na biblioteca uma colectânea de textos por si encadernada , cujas capas foram  elaboradas por alunos da sua disciplina, educação visual.  







Este dia revestiu-se de particular  significado para todos os intervenientes , desde professores a alunos e funcionários , que viram reconhecidos o seu  esforço e  dedicação numa iniciativa de sucesso. 


Efeméride do dia


1807 - A família real portuguesa embarca para o Brasil, por ocasião das invasões francesas.

A 27 de Novembro de 1807, a família real portuguesa, acompanhada da respectiva corte, embarca para o Brasil, por ocasião das invasões francesas. A frota, comandada pelo vice-almirante Manuel da Cunha Souto Maior, far-se-á ao mar a 29 de Novembro, um dia antes da chegada a Lisboa do General francês Junot à frente de um exército com cerca de 26 mil homens.